Santarém - Pará, 11/12/2019 , 08:01:39 - Bom dia
 
Publicidade


Publicidade

O livro pode ser adquirido por sedex e solicitado a pe. Edilberto
Sena, edilrural@gmail.com ou pelo telefone 0055 93 35231066.

Pagamento via banco Bradesco agencia 0524 C/C 0033059 -0

Quem manda em Santarém? O progresso ou o desenvolvimento
10/8/13

Quem manda em Santarém? O progresso ou o desenvolvimento

 

Tem gente que se orgulha de Santarém porque já tem vários prédios arranha céus, outros se orgulham porque Santarém é a única cidade no mundo que tem dois rios de águas distintas, se encontrando bem ali em frente; outros ainda se empavulam porque já está sendo construído o sistema de tratamento de esgoto e ainda tem um shopping center.

E assim, há tantos que se impressionam com o progresso da cidade Pérola do Tapajós. Porém, lá vem outro lado da moeda, a PÉROLA está sendo EMPORCALHADA a cada dia mais. Sem falar sobre, a vergonha do dito Porto da Tiradentes, o "buraco do Santo André" e outros incrementos e escrementos que emporcalham a BELA cidade. 

É preciso denunciar os projetados portos PRIVADOS na área da grande Prainha. São portos privados e privatizantes, pois se apossam da frente da cidade para seus interesses e ao mesmo tempo impedem o trânsito de pessoas pela praia no verão. 

O exemplo disso é o caso da empresa transportadora que privatizou uma área do bairro, invadindo o rio com uma base de embarque e desembarque de suas mercadorias. Por falta de seriedade da administração, a empresa se apossou da área pública e agora a população, a cidade e o rio sofrem várias consequências.

Uma das graves desgraças tem sido o derramamento de combustível no rio, e o recente incêndio de um seu rebocador. Em apenas um dos derramamentos de combustível caíram no rio 10 mil litros de óleo diesel, altamente poluentes 378 hectares de águas do rio em frente a cidade.

Tais desgraças poderiam ser evitadas se a administração pública fosse ativa, respeitadora dos direitos fundamentais dos moradores da cidade e das futuras gerações. Também a Pérola poderá ser protegida dos porcos, quando seus moradores forem às ruas, fizerem bloqueios de trânsito em atitudes de consciência cidadã, que exige respeito às pessoas, à cidade e aos dois ricos rios a frente. Está faltando consciência cidadã na maioria dos habitantes da pérola emporcalhada por obras de progresso e regresso da qualidade de vida.

Mas quando a cidadania vai acontecer? Quando que a Pérola terá seu real desenvolvimento? Quando?

 

Rádio Rural - Todos os Direitos Reservados.

Publica Site: construção e publicação de sites em Santaém e Região Oeste do Pará


 

Para bem visualizar este site, atualize os navegadores